1.16.2017

A Candura dos Céus - Inverno Japonês - Grande Almanaque Mauj

Este é o Clementino, assustado com esse frio todo, repentino!
Nosso boneco de neve amiguinho neste dia branquelo.


 O Sr. Sol estava meio tímido, 
não estava muito a fim de falar com ninguém 
e ficou lá no canto dele.
Estava meio na revolta e resolveu torrar apenas o povo lá do Brasil.


 Dona Camélia estava linda, toda de rosa.
Dai ela caiu do galho,
deu dois suspiros e 
depois morreu.
(Quem me disse foi o Orlando Silva).


Todos uniformizados em amarelinho, 
porque ouro vale mais que dinheiro.


E as gordas nuvens suavam 
suas lágrimas em neve
sobre a cidade.
Umas loucas.

Qualquer saravá, neste dia,
virou mesa branca (de neve)... né!


Apesar de nevar bastante em muitos lugares do Japão, 
é raro nevar/acumular neve na região que moro - 
Centro da ilha de Honshu, Nagoya, província de Aichi .
Tirei muitas fotos - tudo com o celular, porque é mais gostoso que câmera - 
e vou postando aqui aos poucos, especialmente pra você!

2 comentários:

ValLindinha disse...

Neve é muito bonita.... Embora eu tenha sido desiludida da beleza, quando quando soube que começa a derreter e tudo vira uma molhadeira, lama e cheiro de totó molhado. Ou seja, neve é chuva congelada. Não curti

Mauj Alexandre Imamura Gonzalez disse...

Qdo derrete fica feio mesmo. Tipo descongelar freezer