4.15.2016

Em Pleno Anel de Fogo - Terremotos - Grande Almanaque Mauj

Aqui no Japão não sofremos com a violência.
Quem te assusta é a natureza, que de vez em quando se revolta e faz cada uma!

Ontem tivemos um terremoto bem forte, na região de Kumamoto, ao sul do Japão. Grau 7 na escala Shindo - logarítmica, até grau 9. Mais de mil feridos e, por enquanto, nove mortes confirmadas.

Como moro na região central do país, não senti os abalos.


É muito estranha a sensação de estar sobre um solo que do nada começa a se mover. 
Dá a impressão que o chão ganha vida e dá um chilique estressado, querendo tirar tudo e todos de seu caminho.

Lustres bailam no teto, coisas se mexem nas estantes, barulhos e estalos são ouvidos...como se viessem do mais profundo inferno. 
A gente sente uma espécie de labirintite, nosso centro de equilíbrio fica totalmente confuso, desorientado.

Sirenes e alertas soam, todos ficam de prontidão. Porque geralmente um terremoto forte é seguido de vários outros sub-terremotos...

O perigo é o fogão aceso, o móvel pesado, a casa velha, o vidro partido, o velhinho e a criança... 

Este é o triste aspecto de viver em um agrupado de ilhas em pleno anel de fogo do Pacífico...